Aeroporto de Natal prepara máquinas para obra na pista

21 de agosto de 2017

Obras acontecem entre 11 de setembro e 10 de outubro e operações aéreas serão concentradas entre as 6h e as 18h.

Os equipamentos que serão usados na obra da pista de pouso e decolagens do Aeroporto de Natal já estão no sítio aeroportuário. A usina de asfalto foi instalada dentro do sítio aeroportuário a menos de dois quilômetros de distância da pista. A proximidade da usina tem o objetivo de minimizar o tempo de transporte da massa asfáltica até o local de aplicação. Toda a produção de material será constante e usinada dentro da área do Aeroporto.

A obra contará com redundância de todos os equipamentos envolvidos para garantir a disponibilidade e agilidade no processo de obras, tornando a execução ainda mais segura. "Vamos trabalhar com equipamentos de redundância para assegurar o pleno funcionamento da obra e manter nosso comprometimento com o cronograma", declara Juan Djedjeian, diretor de operações da Inframerica.

Durante o período de reparo, cerca de 100 funcionários da concessionária e de empresas terceirizadas estarão envolvidos no trabalho. "Estamos trazendo especialistas e engenheiros de Brasília para acompanharem o desenvolvimento da obra. Vamos trabalhar com equipes durante 12 horas por dia e com equipamentos modernos. Este investimento viabilizará a pista por 15 anos, como era para ser", conta Djedjeian.    

Durante a manutenção da pista o Aeroporto concentrará toda a operação aérea para o período diurno, entre as 6h e as 18h. A taxiway será preparada para receber as operações, garantindo a funcionalidade do Aeroporto e certificando que pousos e decolagens ocorram de forma segura, sem interferência para a movimentação aérea de qualquer categoria de aeronave. A taxiway começará a receber a pintura de adequação no início de setembro, preservando as mesmas características da pista de pouso e decolagem. "Estamos trabalhando com os mais altos padrões de segurança", afirma o diretor.

Todo o material retirado dos três quilômetros de comprimento da pista será estocado para reciclagem e para ser usado para pavimentação do asfalto do Terminal aéreo. As obras serão iniciadas no dia 11 de setembro e vão até 10 de outubro.

x